quarta-feira, 19 de agosto de 2009

Obrigado por não fumar!


O fumo passivo é a terceira causa de morte evitável no mundo. E as crianças não estão imunes a esse problema. Evitar o fumo passivo em crianças é o trabalho do médico João Paulo Lotufo, do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. Desde 2001, o pediatra coordena o serviço antitabágico da unidade. Em 2005, o hospital ganhou o selo de ambiente livre do tabaco. "O fumo passivo ainda não é tratado pelos médicos, mas acredito que isso vai melhorar com a lei aprovada", afirma Lotufo. De acordo com dados do Hospital Universitário, 23,8% das crianças de 0 a 5 anos que chegam ao pronto-socorro com problemas respiratórios apresentam cotinina na urina, uma substância derivada da nicotina.

Fonte: Lei antifumo

Visitantes de todos os lugares

Fernando