domingo, 23 de agosto de 2009

China em destaque

Segundo G1, para economistas, China pode se desacelerar sem ajuda do governo

Crescimento em 2009 é fomentado por forte investimento oficial.
Sem esse incentivo, a expansão pode se acomodar, dizem analistas.

O imenso pacote de estímulo adotado pela China vai dar fôlego para o país crescer pelo menos 8% em 2009 e 2010, mas os economistas começam a se perguntar o que vai acontecer depois que a torneira do gasto público e do crédito barato for fechada, no fim do ano que vem.

Saiba mais no G1...

Visitantes de todos os lugares

Fernando