segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Brasil gastou cerca de 0,8% do PIB em medidas contra crise, diz Mantega

Rio de Janeiro, 24 ago (EFE).- As despesas do Governo brasileiro em medidas fiscais para fazer frente à crise econômica global foram equivalentes a 0,8% do Produto Interno Bruto (PIB) do país, uma das menores porcentagens no mundo, afirmou hoje o ministro da Fazenda, Guido Mantega.

De acordo com o ministro, essa porcentagem é pequena em relação à dos países desenvolvidos e à de outros países emergentes, como a China, cujas medidas contra a crise chegaram a cerca de 13% de seu PIB.

Mantega, em um pronunciamento durante um seminário no Rio de Janeiro, assegurou que o Brasil, que foi um dos últimos países a sentir os efeitos da crise, já está superando as dificuldades e será um dos primeiros a deixar para trás as turbulências econômicas.

Saiba mais no G1

Visitantes de todos os lugares

Fernando